Skip to main content

A implantodontia é uma das áreas mais importantes da Odontologia moderna e oferece uma opção eficaz e duradoura para a substituição de um ou mais dentes ausentes. Se você está lendo, e é um paciente que deseja conhecer, continue lendo esse artigo para entender mais sobre o assunto.

 

História da Implantodontia

A história da implantodontia é longa. As primeiras tentativas de implante dentário foram encontradas em restos mortais de antigas civilizações, que utilizavam materiais como pedras, conchas e marfim para tentar preencher os espaços vazios que existiam na boca. No entanto, essas tentativas eram bastante rudimentares e muitas vezes causavam infecções e insucessos.

No início do século XX, Per-Ingvar Brånemark descobriu que o titânio era um material biocompatível que poderia ser utilizado em implantes dentários para que se integrassem ao osso, realizando o primeiro implante dentário bem-sucedido no ano de 1965, e desde então a implantodontia tem evoluído exponencialmente.

Hoje em dia, a implantodontia é uma das especialidades mais importantes e avançadas da odontologia. Há uma gama de implantes dentários, de diversos diâmetros, comprimentos e formas, para atender individualmente cada caso clínico. Podem ser usados para substituir um único ou vários dentes, e até mesmo uma arcada completa. A tecnologia moderna permite que eles sejam instalados em um procedimento cirúrgico minimamente invasivo e com menor tempo de recuperação.

 

O que é de fato a Implantodontia?

É uma especialidade da Odontologia que tem foco cirúrgico para a instalação de implantes dentários. Os implantes são projetados para ocupar os espaços vazios na arcada que foram causados pelas perdas dentárias e oferecer suporte às próteses dentárias que serão colocadas em sequência, e são consideradas uma solução permanente para substituição de dentes perdidos.

A implantação de um implante dentário envolve um processo cirúrgico, que pode ser simples ou complexo e requer um planejamento individualmente cuidadoso para garantir que o implante seja posicionado e instalado no local correto para que ocorra a osseointegração. O processo pode levar alguns meses, desde a colocação do implante até a instalação da prótese dentária final.

 

Como funciona o passo a passo?

O processo de implantação dentária geralmente envolve várias etapas, que podem variar dependendo da complexidade do caso e das necessidades específicas do paciente. Em geral, o processo de implantodontia funciona da seguinte maneira:

  1. Avaliação e planejamento: O primeiro passo é uma avaliação completa da saúde bucal do paciente para determinar se ele é um bom candidato para a cirurgia de implante dentário. Isso inclui exames clínicos, tomográficos e radiográficos para avaliar a quantidade e qualidade do osso em que o implante será instalado. 
  2. Cirurgia: O segundo passo é a cirurgia de colocação do implante dentário. Este procedimento, engloba uma pequena incisão na gengiva e perfuração do osso para criar um espaço para o implante. O implante é então colocado no local e a gengiva é suturada para permitir a cicatrização.
  3. Osseointegração: Após a cirurgia, o implante precisa se integrar ao osso da mandíbula ou maxila em um processo chamado osseointegração. Isso pode levar vários meses, com a finalidade de se criar uma base sólida e longeva para a prótese dentária.
  4. Colocação da prótese dentária: Após o processo de osseointegração, a prótese dentária pode ser confeccionada e instalada. Isso geralmente envolve a colocação de um pilar ou abutment no implante, seguido pela fixação da coroa ou prótese protocolo.
  5. Acompanhamento: Após a instalação da prótese dentária, o paciente precisará retornar regularmente ao consultório odontológico para exames de acompanhamento e profilaxia. É importante manter uma boa higiene bucal e cuidar adequadamente dos implantes para garantir sua longevidade e evitar complicações e periimplantite.

É um procedimento seguro?

O processo é geralmente seguro e eficaz, e pode ajudar a melhorar a função e a aparência do paciente, bem como a qualidade de vida do mesmo. No entanto, é importante lembrar que cada caso é único e pode apresentar desafios específicos, por isso é essencial escolher um cirurgião-dentista experiente e confiável para realizar o procedimento, além de seguir cuidadosamente as instruções de cuidados pós-operatórios para garantir uma recuperação adequada e minimizar o risco de complicações.

Inovações Tecnológicas

A  tecnologia nos proporciona melhoras em muitos aspectos e âmbitos de nossas vidas, e isso inclui também uma evolução no ramo na Odontologia, em suas técnicas, materiais e planejamento. Algumas das tecnologias mais recentes e avançadas que estão sendo usadas na implantodontia incluem:

  1. Planejamento virtual de implantes: A tecnologia de tomografia computadorizada permite que os cirurgiões-dentistas criem modelos 3D precisos do osso e dos dentes remanescentes do paciente. Isso torna possível um planejamento virtual mais preciso e personalizado do implante, o que pode levar a resultados mais previsíveis.
  2. Guia cirúrgico: Os guias cirúrgicos são dispositivos impressos em 3D que podem ajudar os cirurgiões-dentistas a colocar os implantes com mais precisão e segurança. Esses guias são projetados com base no planejamento virtual do implante e são usados durante a cirurgia para orientar a colocação do implante.
  3. Implantes com superfícies modificadas: A superfície do implante é fundamental para o sucesso da osseointegração. Novos materiais e técnicas de revestimento de superfície estão sendo desenvolvidos para melhorar a adesão e a osseointegração dos implantes, aumentando sua longevidade e eficácia.

Considerações Finais

O ramo da Implantodontia está em crescente ascendência e muitas tecnologias estão ajudando-a a se tornar mais precisa, segura e eficaz. É imprescindível a escolha de um cirurgião-dentista que esteja atualizado com as mais recentes técnicas para garantir o melhor resultado possível do procedimento. A tecnologia e as técnicas disponíveis permitem aos cirurgiões-dentistas planejar e realizar implantes dentários de forma mais precisa, segura e personalizada do que nunca.

Para conhecer equipamentos cirúrgicos odontológicos com alta tecnologia empregada, entre em contato com o time de consultores da Implantec e saiba mais.