Skip to main content

Agendou sua cirurgia de enxerto ósseo e tem dúvidas quanto à cicatrização? Neste artigo vamos esclarecer de uma vez por todas em quanto tempo o seu enxerto estará apto para receber o implante e em seguida a prótese dentária. Siga com a leitura e descubra os aspectos que interferem diretamente no processo de cicatrização, seja positiva ou negativamente.

O que é um enxerto ósseo

Para entender melhor o processo de cicatrização, é necessário compreender primeiro o que é um enxerto ósseo. O enxerto ósseo é um procedimento cirúrgico simples utilizado em alguns casos de implantes dentários, uma vez que para realizar o implante, é preciso ter uma quantidade mínima de osso.

 

Há pacientes que já possuem massa óssea suficiente, mas alguns casos carecem de reposição, o enxerto é o procedimento que restaura essa estrutura óssea ausente por meio de um tecido ósseo, em pó ou em blocos, e viabiliza o implante.

Quanto tempo leva para cicatrizar um enxerto ósseo

Como o enxerto ósseo será a base de fixação do implante dentário, levará alguns meses para que ocorra a osseointegração e ele ofereça a sustentação necessária. Esse período de cicatrização tem uma previsibilidade de 6 a 8 meses, mas ela não é exata, pois muitos fatores podem interferir nesse percurso, como o estilo de vida do paciente, se é fumante, como se alimenta, se faz atividades físicas, e também dos cuidados pós-cirurgia.

Cuidados pós-enxerto ósseo

Mas, afinal, quais cuidados tomar para agilizar a cicatrização e evitar infecções após um enxerto ósseo? Confira a seguir:

 

  • Repouso: evitar movimentos bruscos ou atividade física até que haja liberação do cirurgião-dentista;
  • Tomar a medicação corretamente: a medicação auxilia no processo inflamatório, siga à risca;
  • Alimentação: nesse período inicial, a alimentação deve ser mais fria e liquida;
  • Higiene: manter uma higienização bucal adequada após o procedimento.

 

Outro fator extremamente importante para uma cicatrização mais rápida é o tipo de material biocompatível utilizado no enxerto ósseo. No mercado hoje, temos dois tipos: os de origem bovina e os de origem porcina.

Qual o melhor material para enxerto ósseo?

O material de origem porcina foi o escolhido pela Purgo Biologics, empresa líder mundial em saúde bucal, e essa escolha não foi por acaso. 

 

A Purgo utiliza apenas as melhores matérias-primas em sua produção, e o material porcino foi selecionado para integrar todos os produtos desenvolvidos pela marca líder. Isso se deve às características de previsibilidade e redução em impressionantes 50% do tempo de osseointegração. Segundo estudos, em 3 meses já é possível alcançar resultados satisfatórios, o que não é possível com os demais materiais, que precisam de 6 a 8 meses de intervalo para então seguir com as fases de fixação do implante e próteses.

 

A fim de aperfeiçoar cada vez mais a cartela de produtos, cada detalhe da produção da Purgo Biologics é minuciosamente pensado, com o objetivo de proporcionar os melhores resultados em  regeneração de tecidos moles e ossos, garantindo segurança e eficácia para os dentistas e pacientes. Isso acontece desde 1999, fruto desse empenho, a missão já alcançou mais de 30 países. Acesse aqui e conheça as nossas soluções, ideais e produtos.